Testei vários editores markdown e listei os 9 melhores para melhorar a produtividade nos posts

A fim de escrever um texto puro  e evitar a “sujeira” que os editores WYSIWYG, a web vem adotando cada vez mais os editores Markdown. Eu vinha usando o Sublime para editar os textos em markdown, mas eu quis procurar uma ferramenta que pudesse oferecer mais e me desse um controle com os textos, rascunhos e publicações. Tinha feito uma lista no evernote para eu testar e escolher a melhor opção resolvi compartilhá-la aqui pra ajudar.

ps.1: está listado apenas as opções para editores online e windows. Para MacOS eu estou utilizando o Blogo, que não trabalha diretamente com markdown, mas no mac/ipad/iphone tenho tido uma ótima experiência.


Editores Online

O lado ruim de editores online é a edição offline. Para quem viaja bastante e precisa editar dentro do voo, por exemplo, não é legal (a não ser que a page já esteja aberta no browser).

1- Writebox

Leve e funciona bem. Com bons atalhos de teclado que facilita a edição. Usei um pouco e gostei bastante. É possível personalizar seu próprio theme. Também é possível sincronizar seus textos com dropbox e gdrive.  

2- Dilinger

Dentro de todos é o único que sincroniza com o OneDrive. Edição fullscreen e possui contador de palavras. Não tem como customizar o theme (eu que gosto do fundo preto, não me agradou.. hehe)

3- StackEdit

Ótimo editor. Tem como deixar comentário em pedaços do texto. Para revisões e edição colaborativa pode ser bem útil. Tem theme customizável, atalhos de teclado e outras funcionalidades interessantes. O que gostei é que ele publica direto no wordpress e pode também salvar meus textos e sincronizar com outros ambientes.

4- Markable.in

Gostei bastante deste. Ele tem um live preview, customização do theme e opção de versionar as edições. Para um controle de textos que evoluem é interessante. Ele também possui opção de exportação.


Editores para Windows

Trabalhar com uma aplicação instalada, de certa forma, dá uma maior agilidade para o uso de alguns recursos e para o controle das edições offline e online. Ele é mais completo. Na listagem abaixo eu gostei muito do Write e do Haroopad.

1- WriteMonkey

Gratuito, porém não tem nenhuma atualização desde 2014. O bom são os plugins que ajudam bastante na edição, o lado ruim é que você precisa baixar um por um e instalar.

2- Write

Acho que este é um dos melhores, se não o melhor editor markdown para Windows. Ele é completo. O lado “ruim” é que é pago. O valor dele já convertido para a nossa moeda é por volta de R$85. O lado bom é que se você é estudante, pode ter direito a uma licença.

3- Haroopad

É um editor gratuito. Bem completo. Possui uma série de features diferentes dentre elas. uma feature de presentation mode que pode ajudar em certos momentos. 

4- Texts

É um editor bem resumido. É como um notepad com atalhos para markdown. Além da instalação você precisa instalar também o Pandoc. Achei isso chato. O que ele faz, os editores online fazem muito bem. 

5- MarkPad

Um editor simples. O interessante deste, é que tem versão para  App de Windows. O que ele faz, os editores online fazem bem.

Nota: Eu utilizava bastante o Windows Live Writer, que é muito bom para blogs. Porém, ele não tem suporte para Markdown. Mesmo depois do OpenLiveWriter. Esta issue está apontada e discutida no repo dele no  github.

UPDATE

Sugestão do leitor:

# Markdown Monster – open source e o legal é que você pode desenvolver e criar suas próprias extensões pra ele. veja aqui.

Falta de tempo, avalanche de conteúdo e complexidade de informações. Como você administra tudo isto para o seu benefício?

Olá pessoal.

Este é um post diferente. E há alguns meses eu já queria escrever algo sobre isto.
Tenho estudado e lido bastante sobre organização pessoal, controle de tempo, GTD, etc.

Um dos maiores problemas que temos hoje é o organização, pois tendo uma boa organização, controlamos melhor o tempo. E controlando melhor o seu tempo, você irá aproveitar melhor o seu tempo. Isto sempre foi alvo da humanidade.

Segundo especialistas, temos 3 níveis de ambientes a manter organizado:

  1. Nível físico (sua casa, seus livros, seu armário, gaveta, etc);
  2. Nível digital (músicas, fotos, documentos, e-mails, etc. Ou seja todos arquivos do seu computador);
  3. Nível mental (tudo que você vê, ouve, entende, lê, aprende, etc. Informações diárias que vão para alguma parte do seu cérebro);

Interessante não?!
Estes três níveis se relacionando sinergicamente é algo que irá facilitar muito a sua vida. Não é o bastante. Mas já irá te ajudar muito.

Nós que estamos na área de tecnologia é algo surreal a quantidade de informações que recebemos a cada minuto. A velocidade que elas vem e na quantidade que aparecem.

A árvore está muito ramificada. Por exemplo, dentro do mundo .NET já temos um mundo super vasto, escolhendo a área WEB você já tem outras várias opções, métodos, técnicas, tecnologias relacionadas, etc. É muita coisa.

Eu costumo dizer que é bom você conhecer de tudo um pouco. Mas seja bom em algo. Mas muito bom mesmo. Isto irá te realizar no seu trabalho e nos seus negócios.

Com essa avalanche de informações partindo dos podcasts, blogs, webcasts, palestras, vídeos, etc você já se pegou pensando: “MEU DEUS! POR ONDE COMEÇO?”. É.. Complicado quando não se tem uma sistêmica para trabalhar tudo isto.

E hoje lendo um artigo do Mário Trentim na HSM, “Será que o mundo é mais complexo hoje?” ele falou algo que achei super interessante:

Quando apresento algum conceito novo aos meus alunos, digo a eles para simplificarem ao máximo. Isso evita a analysis paralysis, aquela paralisação de não saber por onde começar na hora de implementar, colocar na prática as teorias e conceitos. Faça com o detalhamento que estiver disponível. Aos poucos, conforme a necessidade, vamos adicionando mais informações, novas ferramentas e técnicas.

Lembrando que não estou dizendo da capacidade de inteligência de cada pessoa. Digo do poder e habilidade para acessar estas “coisas legais” que nos aparecem toda hora. Abrimos, lemos, executamos, testamos, depois guardamos. E… e… “Quando irei usar isto novamente?”.

Outra situação: Você acaba de ler um artigo na internet super interessante, vê que aquilo encaixa super bem com outro artigo que você viu em uma revista que tinha lido há 3 meses atrás e ao mesmo tempo você lembra de uma conversa que teve a respeito daquele assunto com seus amigos. O problema se encontra quando você não consegue achar a revista, ou não se lembra nem de qual revista era e também não se lembra com quais amigos conversou e de detalhes da conversa.

Bem, meu post já está ficando grande demais.
E eu ainda poderia escrever mais.

Pra ajudar vou fazer outros posts, com base no estudo que a Sacha Chua e que eu uso como base para minhas atividades de MVP na comunidade técnica e principalmente para meus estudos.

image

Organize – Ajude – Relacione – Prepare – Publique – Aprimore

Compartilhe suas experiências conosco.
Comente, se este post tiver uma boa resposta, escrevo mais destes assuntos por aqui.

Abraço!

Sua vida digital é organizada?

O volume de informação e dados que temos hoje é impressionante. Por dia recebo mais de 100 e-mails, sendo que uns 10 a 20 eu guardo-os no meu MS Outlook. Por mês são ~500/~600 e-mails para guardar.

Em cada viagem, festinha ou passeio são no mínimo 100 fotos, podendo variar até 1000 fotos. Cada foto com uma paisagem, pessoa, objeto ou posição… Imagine depois de 1 mês de foto. Ou melhor, um ano de fotos. Tranquilamente tiro mais de 10.000 fotos por ano.

O mesmo caso é com as músicas (MP3/WMA). São mais de 12.000 no meu HD. A fonte dessas mp3 são várias: amigos, internet, primos, cds ripados, etc. No meio de tanta música, como irei achar a música "Detalhes" do Robertão?!

Você organiza seus dados digitais? Pelo menos já parou para organizar isso?
Caso não, é bom começar a se organizar para seus arquivos não virarem LIXO.

O método de organização é muito pessoal. Varia de pessoa para pessoa. Mas existem algumas "premissas", se é que podemos falar assim, para a organização padrão que vale a pena seguir.
Andando pela WWW, achei alguns links interessantes. Talvez possa te ajudar também:

Para os e-mails eu ainda estou tentando encontrar um método mais eficiente do que uso agora. Pois uso várias contas de e-mails. É preciso muito filtro e regras. 🙂

Para as fotos, recomendo que cada vez que descarregá-las da máquina, coloque-as em uma pasta com nome intuitivo, renomeie-as, insira as tags de marção e outros detalhes. Pelo Windows Vista isso pode ser feito rapidamente e o resultado é ótmo. 🙂

Para as mp3, cada vez que alguma chegar para o seu computador, catalogue-a, edite as ID-TAGs corretamente colocando álbum, faixa, imagem do álbum, faixa etc. É um trabalho pequeno para 1 ou 2 álbuns que você irá pegar no momento e o resultado é impressionante. Principalmente usando o Windows Media Center.

NOTA: Uns dias atrás André Furtado postou o "Obrigado pela Informação que você NÃO me deu!" e nos passou a url de um site com uma apresentação online, e narrada, que fala um pouco a respeito desse aspecto da informação, organização, etc. Vale a pena conferir.

Rodrigo Kono
MCP.NET 2.0 – MCTS – MSP
DevGoiás.NET – www.devgoias.net

RSS

Se você é leitor do meu blog através do RSS, atualize a URL no seu reader para http://feeds.feedburner.com/kono

E aproveitando… Para aqueles que não sabem o que é RSS vejam o vídeo RSS PLAIN ENGLISH (http://www.commoncraft.com/rss_plain_english) que mostra de uma forma bem legal como economizar seu tempo e ficar informado. =)

Rodrigo Kono
MCP.NET 2.0 – MCTS – MSP
DevGoiás.NET – www.devgoias.net